Nasceu em julho ou agosto? Confira como receber R$ 1.412 na hora BASTA fazer ISSO

O pagamento do abono salarial PIS-Pasep de 2024, referente ao ano-base 2022, teve início nesta segunda-feira (17) para os nascidos nos meses de julho e agosto. Esta é a quinta rodada de pagamentos liberada pelo governo federal neste ano.

Dinheiro

Conforme dados divulgados pelo Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), está previsto que mais de 24 milhões de beneficiários receberão um total aproximado de R$ 27 bilhões, correspondentes ao ano-calendário de 2022.

É importante observar que nem todos os trabalhadores elegíveis realizam o saque dentro do prazo estipulado. Em 2023, estima-se que mais de 80 mil pessoas não retiraram o abono.

Esses números ressaltam a importância de estar devidamente informado sobre os procedimentos para o saque desse benefício financeiro, bem como compreender os critérios de elegibilidade para recebê-lo.

O que é o abono salarial

O abono salarial constitui um benefício anual financiado pelo Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT) e administrado pelo Ministério do Trabalho e Emprego. Este auxílio é destinado exclusivamente a trabalhadores que atendem a critérios específicos, podendo agregar até um salário mínimo à sua renda anual. Para ter direito ao abono, o trabalhador deve:

-

  • Ter recebido uma média mensal de até dois salários mínimos de empregadores que contribuem para o PIS/Pasep;
  • Ter trabalhado por pelo menos 30 dias no ano-base considerado;
  • Possuir cadastro ativo por no mínimo cinco anos no Fundo PIS-Pasep ou no Cadastro Nacional de Informações Sociais (CNIS).

Como o valor do abono é calculado

O cálculo do valor do abono salarial é baseado no tempo de serviço durante o ano-base. Esse montante é determinado dividindo-se o salário mínimo vigente por doze e multiplicando pelo número de meses trabalhados no período, considerando um mês completo a partir de 15 dias de trabalho.

Segue abaixo a tabela de valores do PIS/PASEP para o ano de 2024:

-

  • 1 mês trabalhado: R$ 117,67
  • 2 meses trabalhados: R$ 235,33
  • 3 meses trabalhados: R$ 353,00
  • 4 meses trabalhados: R$ 470,65
  • 5 meses trabalhados: R$ 588,32
  • 6 meses trabalhados: R$ 706,00
  • 7 meses trabalhados: R$ 823,66
  • 8 meses trabalhados: R$ 941,33
  • 9 meses trabalhados: R$ 1.059,00
  • 10 meses trabalhados: R$ 1.176,68
  • 11 meses trabalhados: R$ 1.294,34
  • 12 meses trabalhados: R$ 1.412,00

Calendário de pagamentos do PIS/PASEP em 2024

Os pagamentos do próximo ano obedecem a um calendário específico baseado no mês de nascimento dos beneficiários, com início dos saques em fevereiro e término em dezembro. Veja abaixo as datas detalhadas para o pagamento do PIS e Pasep:

-

Datas para pagamento do PIS:

  • Nascidos em janeiro: a partir de 15/02/2024
  • Nascidos em fevereiro: a partir de 15/03/2024
  • Nascidos em março e abril: a partir de 15/04/2024
  • Nascidos em maio e junho: a partir de 15/05/2024
  • Nascidos em julho e agosto: a partir de 17/06/2024
  • Nascidos em setembro e outubro: a partir de 15/07/2024
  • Nascidos em novembro e dezembro: a partir de 15/08/2024

Datas para pagamento do Pasep:

  • Final de inscrição 0: a partir de 15/02/2024
  • Final de inscrição 1: a partir de 15/03/2024
  • Finais de inscrição 2 e 3: a partir de 15/04/2024
  • Finais de inscrição 4 e 5: a partir de 15/05/2024
  • Finais de inscrição 6 e 7: a partir de 15/06/2024
  • Final de inscrição 8: a partir de 15/07/2024
  • Final de inscrição 9: a partir de 15/08/2024

Para consulta do seu PIS/PASEP, utilize os seguintes aplicativos:

  • Carteira de Trabalho Digital (CTPS Digital), disponível para Android e iOS;
  • Aplicativo FGTS, disponível para Android e iOS;
  • Caixa Trabalhador, disponível para Android e iOS;
  • Meu INSS, disponível para Android e iOS.

Vantagens do Abono Salarial

  1. Complemento de Renda: Constitui um adicional financeiro que pode incrementar significativamente a renda anual do trabalhador.
  2. Incentivo à Formalização: Estimula a formalização do trabalho, uma vez que é direcionado a trabalhadores formais que contribuem para o PIS/Pasep.
  3. Redução da Desigualdade Social: Contribui para a redução das desigualdades sociais ao proporcionar um benefício financeiro a trabalhadores de renda mais baixa.
  4. Estímulo ao Consumo: O pagamento do abono pode estimular o consumo de bens e serviços básicos, beneficiando a economia local e nacional.
  5. Reconhecimento do Trabalho: Representa um reconhecimento do esforço e contribuição dos trabalhadores para o desenvolvimento econômico do país.
  6. Segurança Econômica: Proporciona segurança econômica adicional, especialmente em períodos de dificuldades financeiras pessoais.

Essas vantagens destacam a importância do Abono Salarial como um instrumento de suporte financeiro para trabalhadores, contribuindo para seu bem-estar e para a dinâmica econômica do país.

Vitória Tormen

Natural de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, sou uma profissional comprometida com o desenvolvimento de conteúdos e a criação de posts otimizados para o Google News e Discover. Possuo uma vasta experiência em SEO técnico e SEO de conteúdo, garantindo que o material… Mais »