INSS: Estão sendo aplicado GOLPES contra beneficiários do BPC; saiba o que fazer para se proteger

A cada dia e a cada ano, surgem novos métodos criminosos destinados a enganar e extorquir dinheiro de pessoas menos vigilantes. Recentemente, um novo golpe relacionado ao Benefício de Prestação Continuada (BPC) veio à tona, gerando grande preocupação entre os beneficiários. O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) emitiu um alerta público para prevenir futuras vítimas deste esquema fraudulento.

DECISÃO TOMADA HOJE (2002) Lula bate o martelo em decisão que afeta todos os brasileiros que está no INSS

No centro deste golpe estão mensagens fraudulentas direcionadas a idosos, informando falsamente sobre a aprovação e liberação de benefícios que não foram solicitados por eles. Os criminosos, agindo de má-fé, utilizam artifícios como o envio de boletos para o pagamento de ‘taxas’ associadas ao benefício, que na realidade é gratuito e gerido exclusivamente pelo INSS.

Como o Golpe é Aplicado?

É fundamental compreender inicialmente que o INSS não entra em contato direto solicitando informações pessoais ou oferecendo benefícios sem uma prévia solicitação do cidadão. Os golpistas geralmente utilizam canais como WhatsApp ou SMS, fazendo uso do nome do INSS para conferir credibilidade ao esquema fraudulento. Informam falsamente que o benefício foi aprovado e solicitam que os idosos efetuem o pagamento de uma taxa através de boleto para supostamente ‘finalizar’ o processo.

Como posso identificar e evitar esses golpes?

  • Desconfie de contatos inesperados: O INSS não entra em contato para informar sobre a liberação de benefícios sem que haja um processo formal iniciado pelo beneficiário.

-

  • Ignore solicitações de pagamento: O INSS não exige o pagamento de taxas para liberar benefícios assistenciais.
  • Verifique a origem da comunicação: Sempre confirme se a mensagem provém de canais oficiais antes de fornecer qualquer informação pessoal.

O papel do INSS e o uso correto do aplicativo Meu INSS

O INSS oferece um canal digital confiável conhecido como ‘Meu INSS’, por meio do qual os cidadãos podem gerenciar suas solicitações e interações de maneira segura. É essencial que beneficiários e requerentes utilizem este aplicativo para todos os procedimentos, a fim de evitar possíveis fraudes.

-

Além disso, visando garantir mais segurança aos beneficiários, o INSS implementou a biometria facial no aplicativo gov.br. Reforça-se a importância de manter os dados de contato sempre atualizados, o que pode ser feito diretamente no site ‘Meu INSS’ ou através do telefone 135. Essas medidas ampliam significativamente a segurança das informações.

É crucial que esta informação seja amplamente divulgada para minimizar os riscos para os cidadãos. Solicitamos que este alerta seja compartilhado nas redes sociais e entre grupos de conhecidos, especialmente aqueles com pessoas idosas, para que todos estejam bem informados e protegidos.

Vantagens confirmadas do INSS para os idosos

-

  • Aposentadoria: Oferece aposentadoria por idade ou tempo de contribuição, proporcionando uma fonte de renda estável após o fim da vida profissional.
  • Benefício de Prestação Continuada (BPC): Garante um salário mínimo mensal para idosos com mais de 65 anos que não possuem condições de prover o próprio sustento, nem de tê-lo provido pela família.
  • Auxílio-doença: Fornece suporte financeiro temporário para idosos que ficam temporariamente incapazes de trabalhar devido a doença ou acidente.
  • Pensão por morte: Garante uma pensão aos dependentes de um segurado do INSS falecido, o que é especialmente relevante para idosos que dependem financeiramente de um cônjuge.
  • Facilidade de acesso: O INSS tem investido em canais digitais como o ‘Meu INSS’, facilitando o acesso a serviços e consultas de forma conveniente, especialmente importante para idosos que podem ter dificuldades de locomoção.

Como saber de adicionais na conta?

  1. Consulte o Extrato Bancário: Verifique o extrato da sua conta bancária regularmente para identificar quaisquer taxas ou transações adicionais que possam ter sido cobradas.
  2. Entre em Contato com o Banco: Se não estiver claro no extrato, entre em contato com o seu banco diretamente. Isso pode ser feito por telefone, através do aplicativo móvel do banco, pelo internet banking ou pessoalmente em uma agência.
  3. Verifique os Benefícios e Serviços Associados: Se estiver se referindo a benefícios extras oferecidos pela conta, como seguros, programas de recompensas, entre outros, consulte os termos e condições da conta ou entre em contato com o banco para detalhes adicionais.
  4. Utilize os Canais Digitais do Banco: Muitos bancos oferecem plataformas digitais onde é possível acessar informações detalhadas sobre sua conta, incluindo adicionais e benefícios disponíveis.

Vitória Tormen

Natural de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, sou uma profissional comprometida com o desenvolvimento de conteúdos e a criação de posts otimizados para o Google News e Discover. Possuo uma vasta experiência em SEO técnico e SEO de conteúdo, garantindo que o material… Mais »