Total Crédito Brasil
Somos um site especializado em finanças, oferecendo informações atualizadas sobre crédito, cartões de crédito, instituições bancárias, fintechs e benefícios sociais.

Empréstimos para NEGATIVADOS e pessoas com o NOME SUJO; veja como fazer

A presença de inadimplência pode constituir uma significativa complicação para os cidadãos, uma vez que restringe o acesso a crédito.

Similarmente, o desemprego é uma situação de grande apreensão. Em ambas as circunstâncias, o acesso a empréstimos se torna limitado. A seguir, são apresentadas alternativas viáveis para obtenção de recursos financeiros, mesmo diante dessas adversidades.

Tipicamente, os bancos realizam uma análise de crédito antes de concederem empréstimos aos clientes. Isso implica que indivíduos desempregados ou com histórico de inadimplência podem enfrentar dificuldades ao solicitar crédito.

Essas situações frequentemente geram preocupações em relação às despesas cotidianas, tais como alimentação e pagamento de contas de serviços públicos, como água e eletricidade.

Entretanto, há alternativas disponíveis para aqueles que se encontram em uma das situações mencionadas acima.

Microcrédito

-

Trata-se de uma alternativa de considerável interesse, uma vez que os juros são mais baixos. Por outro lado, o montante disponível tende a ser reduzido. Tal cenário ocorre devido à percepção dos bancos de um maior risco de inadimplência.

De fato, essa pode ser a opção ideal para investir em um empreendimento próprio, como, por exemplo, tornar-se um Microempreendedor Individual.

-

Empréstimo com garantia de bens

Nesse sistema, o banco concede um empréstimo ao cidadão mediante o fornecimento de um ativo como garantia de pagamento. Esse ativo pode ser, por exemplo, um veículo ou uma propriedade imobiliária.

No entanto, o grande inconveniente desse formato é que, caso o cidadão não cumpra com o pagamento da dívida, o banco tem o direito de retomar o ativo fornecido como garantia. Em outras palavras, há o risco de perder o veículo utilizado como garantia.

Empréstimo Pessoal

Esta é uma das modalidades de empréstimo mais acessíveis. No entanto, nem todos os bancos proporcionam essa oportunidade a pessoas desempregadas ou com histórico de inadimplência.

É crucial verificar as condições oferecidas pelo seu banco e, sempre que possível, compará-las com as de outras instituições.

Empréstimo pessoal Negativados no Serasa

É viável acessar até R$ 30 mil, com possibilidade de parcelamento em até 48 meses. Entre os benefícios dessa modalidade estão: adequação à sua condição financeira; oferta de empréstimo para indivíduos com histórico de inadimplência, garantido pela Serasa; e processo sem burocracia. Além disso, a contratação é inteiramente virtual, dispensando a necessidade de visitar uma agência bancária. Basta acessar o aplicativo do Serasa e possuir os seguintes documentos:

  • Documento de identificação com foto, como RG, passaporte, carteira de trabalho, CNH (Carteira Nacional de Habilitação), ou documento equivalente.
  • Comprovante de Renda: holerite, contracheque, extrato bancário, carteira de trabalho ou declaração do Imposto de Renda.
  • Comprovante de Residência: contas de água, luz, telefone (celular ou fixo), fatura do cartão de crédito, extrato do FGTS, entre outros.

Nessa modalidade, são aplicados o Custo Efetivo Total (CET) e outros encargos, como taxa de juros, IOF (Imposto sobre Operações Financeiras), impostos, seguros e tarifas de cadastro.

CHANCE de OURO para idosos com dívidas acumuladas, idosos comemoram com muita alegria essa exclusividade de mudar a vida

Atenção ao contratar um empréstimo

É fundamental evitar o endividamento excessivo, buscando obter empréstimos de forma prudente, com plena consciência da obrigação de pagamento subsequente. Evite realizar investimentos de alto risco e estabeleça um planejamento financeiro sólido. Nunca contraia empréstimos em seu nome para terceiros. Esteja ciente de que há o risco de perder o ativo utilizado como garantia para o empréstimo.