O calendário de julho EXCLUI um benefício IMPORTANTE e deixa brasileiros SEM RUMO! Confira as novas mudanças

O Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) anunciou uma alteração substancial no pagamento do benefício de julho de 2024 do seu principal programa social, o Bolsa Família. A mudança envolve a suspensão do Auxílio Gás dos Brasileiros, um dos benefícios adicionais do programa social.

Cartão de Crédito oferecido pelo Bolsa Família deixa brasileiros pulando de alegria; Veja como SOLICITAR O SEU

Este auxílio, que concedeu um bônus de R$ 102 a aproximadamente seis milhões de famílias em junho, não será disponibilizado no mês de julho.

Governo exclui um benefício e deixa famílias sem bônus

A retirada do benefício do Auxílio Gás, pago de forma bimestral, terá um impacto direto no montante total recebido pelos beneficiários do Bolsa Família.

Em junho, esse adicional financeiro ajudou as famílias a adquirir o botijão de gás de 13kg, um item essencial para muitos lares.

Entretanto, devido à sua natureza bimestral, o próximo pagamento do Auxílio Gás está previsto apenas para agosto, criando uma lacuna no suporte financeiro para o mês de julho.

Neste período, o Bolsa Família continuará a fornecer seu valor básico, que é de R$ 142 por pessoa, garantindo um mínimo de R$ 600 para famílias menores, com até quatro membros.

-

Adicionalmente, os valores suplementares permanecem inalterados: R$ 50 para cada criança ou adolescente entre sete e dezoito anos, assim como para gestantes e lactantes. Crianças menores de seis anos continuarão recebendo um adicional de R$ 150 cada.

É crucial que os beneficiários estejam atentos às suas finanças para ajustar seus orçamentos sem o apoio do benefício adicional de gás.

Planejar as finanças com antecedência é fundamental para enfrentar essa redução temporária no valor recebido.

-

Calendário do benefício de julho do Bolsa Família

Os pagamentos do benefício do Bolsa Família para julho de 2024 seguem o cronograma regular, baseado no último dígito do Número de Inscrição Social (NIS) dos beneficiários. Abaixo estão as datas programadas:

  • NIS final 1: 18 de julho
  • NIS final 2: 19 de julho
  • NIS final 3: 22 de julho
  • NIS final 4: 23 de julho
  • NIS final 5: 24 de julho
  • NIS final 6: 25 de julho
  • NIS final 7: 26 de julho
  • NIS final 8: 29 de julho
  • NIS final 9: 30 de julho
  • NIS final 0: 31 de julho

Os beneficiários podem verificar os valores através do aplicativo Caixa Tem, nas casas lotéricas, caixas eletrônicos e agências da Caixa Econômica Federal.

-

É essencial que todos acompanhem essas datas e se organizem para receber o benefício no prazo estipulado.

O que fazer em caso de suspensão?

Em caso de suspensão do benefício do Bolsa Família, é importante seguir alguns passos para regularizar a situação:

  1. Verificar o Motivo da Suspensão: Primeiramente, é necessário entender o motivo da suspensão. Isso pode ser feito através do aplicativo do Bolsa Família, pelo site oficial do programa, ou consultando diretamente o gestor responsável na prefeitura ou no CRAS.
  2. Regularizar as Condicionalidades: Muitas suspensões ocorrem devido ao não cumprimento das condicionalidades, como frequência escolar e acompanhamento de saúde. Caso seja esse o motivo, é necessário garantir que todas as condicionalidades estejam atualizadas e documentadas.
  3. Atualizar o Cadastro Único: Verifique se todas as informações no Cadastro Único estão corretas e atualizadas. É importante manter os dados pessoais, de renda e familiares atualizados para evitar problemas na continuidade do benefício.
  4. Recurso Administrativo: Se discordar da suspensão e acreditar que houve um equívoco, é possível apresentar um recurso administrativo. Geralmente, isso é feito no CRAS ou na prefeitura, seguindo as orientações fornecidas pelo gestor do programa.
  5. Acompanhamento Regular: Mantenha um acompanhamento regular do status do benefício. Utilize os canais de comunicação disponíveis para verificar se há pendências ou informações adicionais que precisam ser fornecidas.
  6. Busca por Assistência: Se necessário, procure assistência e orientação adicional no CRAS ou na prefeitura. Eles podem fornecer orientações específicas e ajudar na resolução de qualquer problema relacionado ao benefício.

Seguindo essas etapas, é possível resolver a suspensão do benefício do Bolsa Família de maneira eficiente e garantir que as famílias continuem recebendo o apoio necessário.

Vitória Tormen

Natural de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, sou uma profissional comprometida com o desenvolvimento de conteúdos e a criação de posts otimizados para o Google News e Discover. Possuo uma vasta experiência em SEO técnico e SEO de conteúdo, garantindo que o material… Mais »